NOTÍCIAS

2010-10-05
‘Depois da Vida’ na TVI
TV promove fascínio pelo oculto
Moita Flores, Ruy e Paula de Carvalho, Cinha Jardim, Luísa Castel-Branco e Cristina Lacerda estiveram com a médium britânica Anne Germain. O encontro, dizem, foi “perturbador”.

Anne Germain já não está em Portugal, onde veio gravar três programas-piloto que, em breve, serão conduzidos  por Júlia Pinheiro, na TVI.  Mas a sua breve passagem pelo nosso País mexeu com as convicções dos que a contactaram através do canal ou em consultas privadas.
 
“Estive sentado dez minutos em frente a Anne Germain.  Não abri a boca. E ouvi-a dizer coisas perturbadoras acerca da minha vida íntima, coisas que só eu e a minha irmã tínhamos conhecimento e que mais ninguém poderia saber. Foi uma experiência perturbadora”, revela Moita Flores, ex-criminalista e actual presidente da Câmara de Santarém, e um dos convidados de ‘Depois da Vida’. Moita Flores, que apenas participou no programa por consideração a Júlia Pinheiro de quem é amigo, não tem dúvidas sobre o formato: “Tem força. Vai fazer audiências... e conheço bem o meio”.

O actor Ruy de Carvalho, outro convidado de ‘Depois da Vida’, esteve 15 minutos com a médium britânica. E pelas mensagens que foi ouvindo da boca de Anne Germain ela estaria em contacto com Ruth, a mulher que perdeu há quase três anos. “Falou-me de coisas que só eu e a Ruth sabíamos. E pelas indicações era a minha mulher que ali estava presente. Não acredito nem deixo de acreditar, mas foi uma experiência muito interessante”.

Paula Carvalho, jornalista e filha do actor, teve uma sessão privada de uma hora: “Foi espectacular. A médium fala com recurso a algum simbolismo e foi com emoção que percebi que as mensagens me estavam a ser enviadas pela minha mãe, pois só ela se referia aos netos como ‘os patinhos’, porque adorava ler livros do Pato Donald e do Tio Patinhas”.

Luísa Castel-Branco “nunca” sentiu “muita apetência pelas coisas do Além”, mas esteve com a médium e confessa: “Nunca pensei ouvir algo tão surpreendente. Os meus entes queridos vieram ter comigo através dela. O que ela me disse não era passível de ser do conhecimento público”. Hoje, sente-se grata a Anne Germain que lhe mostrou que quem já partiu “está bem” e “olha” por ela.

Cinha Jardim, que “sempre” acreditou na “vida para além da morte”, conseguiu uma sessão privada com Anne Germain graças a “uma desistência”. “Recebi mensagens do meu pai e de uma das minhas irmãs. Foi um encontro desgastante, mas também confortante. Gostei do trabalho da médium. Havia ali verdade e saí de lá em paz e tranquilidade. Ninguém vai a uma consulta destas para saber se lhe vai sair o Euromilhões. E quem lá vai é porque está sofrido ou atravessa alguma fase de fragilidade e precisa de receber uma orientação”, conta Cinha Jardim, que se escusou a dizer quanto pagou pela consulta: “O preço não era exorbitante. Foi justo. E quanto àqueles que contestam o pagamento destes serviços, entendo que as pessoas precisam de pagar as suas contas”.

Também a empresária Cristina Lacerda, dona do Chá da Lapa, consultou Anne Germain em privado e ficou rendida ao talento dela: “A médium descreve as pessoas já falecidas com um detalhe tal que parece tê-las conhecido. Até faz referência aos tiques que tinham em vida. Revelou, para minha estupefacção, que a minha avó tinha perdido uma criança entre o terceiro e o quarto filho. Foi verdade, a minha falecida avó tinha sofrido um aborto!”


ANNE GERMAIN DÁ CONSULTAS EM LISBOA

CONVIDADOS
Ruy de Carvalho, Marina Mota e Moita Flores participam em ‘Depois da Vida’, da TVI. O formato é gravado e, diz Júlia Pinheiro, “com características dife-rentes daquilo que é o entretenimento comum”. O programa vai “mexer com a sensibilidade das pessoas”, sublinha.


QUEM É ANNE GERMAIN: NOVOS PROJECTOS NA TV
A britânica Anne Germain tem cerca de 50 anos, recebeu uma educação cristã e é “médium espiritual”.
Segundo Mónica Carrelhas, da Planeta Ideal, produtora portuguesa com quem trabalha, não teve formação na área porque diz ter nascido com este “talento” que foi apurando “com o passar dos anos”. Para quem estranha que ela possa trabalhar num estúdio de TV, Anne Germain esclarece que faz sessões privadas via telefone, mail ou carta escrita, em recepções de hotéis, dentro de carros, comboios e aviões.
Anne Germain visitou Portugal pela primeira vez há 18 anos, quando esteve com o marido a passar férias no Algarve. “Adora Portugal”. Considera os portugueses “afectuosos e calorosos”, mas diz que “há muita dor e tristeza no País”.


   
 
 
 
A Subscreva a nossa newsletter, receba no seu email todas as novidades sobre os nossos programas de TV, informações sobre os mediuns, Sessões privadas e Workshops.
 
E-mail:
 

 

MEDIUNS
Sessões Privadas e Workshops

A Planeta ideal autoriza a Indian Rose a promover e realizar Workshops e Sessões Privadas com a equipa de Médiuns que agencia.

Se pretender realizar qualquer uma destas actividades, ou saber mais informações sobre as actividades que a Indian Rose promove, inscreva-se.

 
 


Tlf.:
(+351) 21 386 80 39    E-mail: info@planetaideal.pt

webdesign by: www.criativo.net

 
Siga-nos: